• Mason Trucks

Recapados, recauchutados e remodelados: conheça melhor esses tipos de pneus

Possui veículo próprio? Então, conhecer um pouco mais sobre os tipos de pneus é algo muito importante para você. Pode parecer simples, mas o pneu é uma peça relevante e requer atenção especial. E, quando chega o momento da troca, uma saída interessante é reformá-los, seja através da recapagem, recauchutagem ou remodelagem. Essas técnicas trazem vantagens econômicas e sustentáveis.


O Brasil é o segundo mercado mundial de recapagem de pneus, atrás apenas dos Estados Unidos. A recapagem pode gerar uma economia de 70% em relação à compra de um pneu novo. Além disso, é grande a redução do impacto ambiental: economiza-se mais de 500 milhões de litros de petróleo por ano, já que a reforma de um pneu com as bandas de rodagem bandag usa apenas 30% do que é necessário para fazer um novo, sem mencionar a redução média de 32 kg de borracha por unidade e 14kg a menos de aço.

Nesse artigo, você vai conhecer detalhadamente as vantagens de todos esses processos. Continue lendo!




Pneu Recapado


Essa técnica promove apenas a substituição da borracha desgastada da banda de rodagem em contato com o solo. É usada exclusivamente em pneus de transporte de carga, como caminhões e ônibus, em um processo que pode ser feito de dois modos: à quente ou à frio.

No processo da recapagem à quente, usa-se o camelback, uma banda de rodagem que no processo de vulcanização se incorpora ao pneu a uma temperatura de 150ºC, formando um desenho. Na recapagem a frio, a temperatura vai a 115ºC e utiliza-se uma banda de rodagem pré-moldada, ou seja, já pronta para ser aplicada à carcaça do pneu.


Pneu Recauchutado


Esse tipo de reconstrução de pneu se dá por meio da substituição da borracha da banda de rodagem. Por se tratar de um pneu usado, é natural que apresente certo desgaste, por isso, o fabricante cobre com camelback tanto a banda de rodagem quanto os ombros da carcaça. Em seguida, o pneu é levado ao molde, onde é aquecido a uma temperatura que gira em torno dos 150ºC. Este é o processo à quente, no qual o camelback tem seu desenho formado. A técnica também costuma ser muito utilizada em veículos pesados, como ônibus, caminhões e até aviões.


Pneu Remodelado


O processo de remodelagem consiste na substituição de toda a banda de rodagem e os flancos, sendo toda a parte externa do pneu revestida com nova camada de borracha. Assim, as informações do pneu original, como capacidade de carga, índice de velocidade, nome do fabricante e data de fabricação são eliminadas pela nova camada. O processo “remold” também é feito em alta temperatura.


Garantia de Segurança


Mas fique atento! As reformas em pneus precisam ter o Selo de Identificação de Conformidade. A verificação é concedida pelo INMETRO (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia). Para isso, o pneu passa por diversos testes que comprovam a sua qualidade, o que também serve como garantia em relação à segurança proporcionada pelo produto.


Além disso, para que o pneu obtenha o selo, é necessário que sejam informados os números e os tipos de reformas pelas quais ele passou. Para ser um produto de confiança, é indispensável que ele possua essa certificação.


Agora que que já sabe como funciona a todo o processo de reforma para pneus, leia também nosso artigo sobre descarte e pneus velhos, saiba como proceder.

84 visualizações

Venha nos visitar!

E SAIA DIRIGINDO UM MAN-VOLKSWAGEN SOB MEDIDA PRA VOCÊ!

Governador Valadares - Avenida Rio Bahia, nº 2241, Bairro Vila Isa  

Tel: (33) 4042-1955

Coronel Fabriciano - Avenida Presidente Tancredo de Almeida Neves, nº 4259, Bairro Caladinho

Tel: (31) 2942-1817

  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco